Publicidade

“A Gruta de Marfim” de Domingas Monte chega ao mercado literário

O livro de contos intitulado “A Gruta de Marfim”, da autoria da escritora Domingas Monte, foi apresentado ontem, 26 de Junho, às 16h30, no auditório Amélia Mingas, da Faculdade de Humanidades, da Universidade Agostinho Neto, em Luanda.

“A Gruta de Marfim” de Domingas Monte chega ao mercado literário

A obra, com cerca de 49 páginas, chega ao mercado com a chancela da Mayamba Editora e conta com mil exemplares. O livro será apresentado pelo escritor José Luís Mendonça, e pelas ensaístas Edmira Cariango e Joaquina Chipita. O momento cultural estará a cargo da poetisa Orquídea.

Em declarações ontem ao Jornal de Angola, Domingas Monte explicou que o livro conta a história de uma luta territorial entre o crocodilo e o hipopótamo, que disputam o lugar que cada um intitula-se rei do Loje.

A obra, referiu, é dirigida ao público infantil e infanto-juvenil, na qual as crianças vão poder aprender uma lição sobre o “poder da união”, demonstrando que através da mesma é possível chegar a um acordo e tornar-se amigos.

Domingas Monte realçou que a escrita infanto-juvenil é especial em função do seu público, porque para se escrever para crianças deve-se ter um certo cuidado, ter um texto lúcido e pedagógico.

“A Gruta de Marfim” de Domingas Monte chega ao mercado literário

Perfil

Domingas Henrique Monteiro é autora da obra “Kyesse”, último livro da sua coleção, lançado em Julho do ano passado, que aborda a história de um menino-prodígio que ganhou habilidades para salvar a aldeia de Lukunga, onde vivia com a avó Makaya.

Nasceu em 1982, na província do Uíge, é licenciada em Línguas e Literaturas Africanas, pela Faculdade de Letras e Ciências Sociais, da Universidade Agostinho Neto. Docente universitária, é autora de vários livros infantis, com destaque para “A Canção Kongo e Ovimbundu-Tradições e Identidades”, “O Gelado de Múkwa da Mamita” e “Kyesse”. É fundadora e presidente da Associação Mwelo Weto e é atualmente diretora do Instituto Nacional das Indústrias Criativas (INIC), órgão afeto ao Ministério da Cultura.

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

“A Gruta de Marfim” de Domingas Monte chega ao mercado literário
Publicidade

Últimas de Arte & Cultura