Publicidade

Para onde fugir da azáfama do Carnaval

Avista-se o feriado prolongado em comemoração a maior celebração cultural do país, e para quem pretende dar uma escapulida do caos da cidade, a Chocolate deixa algumas sugestões.

Para onde fugir da azáfama do Carnaval

Nos dias que correm, muitas são as famílias que preferem aproveitar o feriadão fora da capital luandense em busca de tranquilidade, ou de novas aventuras e para tal trouxemos-lhes alguns destinos pouco explorados dentro do nosso país.

Malanje é das províncias de Angola que a nível de turismo tem muito ainda por se explorar, portanto recomendamos-lhe a Pousada Kalandula,
situada de frente as quedas de kalandula e fica a cerca de 80km da cidade de Malanje, capital da província e a 420 km de Luanda, numa viagem que normalmente é feita de carro e dura entre 6 a 8 horas, com uma vista de encher os olhos e um respirar de ar extremamente puro várias são as opções de entretenimento como, equitação (andar á cavalo) ou também para os mais corajosos descer as quedas num percurso de uma hora e trinta minutos dependendo da condição climática,

Publicidade

Ainda dentro da província de Malanje temos as famosas pedras de “pungo andongo”, ou simplesmente pedras negras, lugar que muitos não sabem mas é possível fazer acampamento mesmo no topo das montanhas rochosa para os mais destemidos, e para os que preferem velar por segurança podem simplesmente ficar pelo vilarejo e escolher o melhor lugar para se acomodar.

Para onde fugir da azáfama do Carnaval

Fugindo um pouco mais para o sul do País levamos-lhe a conhecer a província do Namibe que possui o mais antigo deserto do mundo, bem como a welwhitcha mirabilis espécie de planta rara que apenas é encontrada na região. Com muito por se descobrir esta terra de clima muito agradável, a sua capital é bastante tranquila e aos poucos vai se tornando num potencial turístico.

Planear uma viagem para este local é necessário ter uma preparação física e mental, existem três maneiras de se chegar a este paraíso , caso queira ir de viatura própria terá de cumprir 14 horas de carro se for um 4/4 melhor ainda percorrendo 939 km, ou pode economizar o tempo e apanhar um avião e em 1 hora chega ao destino, por ultimo tem a linha de comboio disponível na estacão do bungo em Luanda.

Depois de acomodado, o recomendável então é visitar o arco do Namibe que está situado dentro de uma comunidade mucubal (nativos) se for acompanhado de um guia melhor ainda, porque pela sua localização é fácil perder-se, seguir até a praia do soba, onde poderá encontrar paz de espírito pela sua tranquilidade e perfeição natural.

Se lhe restar um pouco mais de tempo aproveite para conhecer a praia do piambo com beleza natural e rochas esculpidas pela forças das ondas tornando o acesso bastante escorregadio daí alguma atenção e cautela, e simplesmente deixe-se maravilhar.

Portanto se gosta de desafios ou de calmaria ao mesmo tempo, ficam então as nossas dicas para aproveitar ao máximo o seu final de semana prolongado.

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Para onde fugir da azáfama do Carnaval
Publicidade
Publicidade