Publicidade

Cachoeira do Binga: destino para se aventurar

Publicidade

O som das quedas de água que acalma a alma. As Cachoeiras do Binga, conjunto de quedas de água mais ou menos caudalosas, segundo a época do ano, são uma das atracções turísticas mais visitadas da província do Cuanza Sul. A Cachoeira do Binga tem um cenário fantástico, “coisa de outro Mundo”, de deixar qualquer um em êxtase diante de tanta beleza natural.

Cachoeira do Binga: destino para se aventurar

A brisa fresca resultante do bater das águas nas rochas cria sonoridades excepcionais. O maestro é a própria natureza, que proporciona a sensação de tranquilidade e paz. O rio a serpentear entre as pedras é um convite permanente ao banho. A força das águas agita o Keve e precipita-o por entre degraus de pedra polida, desembocando em bacias tranquilas. Nas margens calmas, o rio manso abre caminho entre pequenos areais onde se pode descansar tranquilamente, com a cachoeira principal como pano de fundo.

Publicidade
Cachoeira do Binga: destino para se aventurar

A descoberta das maravilhas das províncias do Sul tem atraído muitos turistas pela diversidade da sua fauna, flora e sítios encantadores. Muitas vezes já foi cenário de almoço em família, convívio de fim de ano.

Cachoeira do Binga: destino para se aventurar

O Parque das Cachoeiras do Binga, a 45 quilómetros da cidade do Sumbe, é um local de grande encanto e beleza. Ninguém resiste a um bom banho de rio, uma partida de futebol na areia e degustação dos aperitivos da terra.

Cachoeira do Binga: destino para se aventurar

Quando lá estiver, vai conhecer um espaço acolhedor, que oferece serviços de restauração, campismo, recreio com passeios de barco e a cavalo e pesca desportiva, dispondo igualmente de áreas para a prática de ciclismo e caminhadas.

Está aberto ao público todos os dias, das 8h00 às 18h00. O local é ideal para piqueniques com a família e amigos.

Cachoeira do Binga: destino para se aventurar

Para alcançar o local, saindo de Luanda, depois de passar por Porto Amboim e pelo Instituto Nacional de Petróleos, entra-se no desvio para a Gabela e seguem-se as indicações em tabuletas. Uma viagem normal dura de três a quatro horas.

Cachoeira do Binga: destino para se aventurar

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Cachoeira do Binga: destino para se aventurar
Publicidade
Publicidade