Publicidade

Província do Zaire na mira dos turistas

Publicidade

Nunca se falou tanto de turismo em Angola como se fala nos últimos tempos, e a província do Zaire está na mira de muitos amantes do turismo interno e daqueles que procuram saber mais sobre  a cidade que foi  declarada como  património Mundial da Cultura desde o ano de 2017.

E com isto, várias são as viagens que já estão marcadas para quando se levantar a cerca sanitária da capital Luanda, para uma visita guia e poderem conhecer os famosos pontos:

Publicidade

Grutas de Nzau Évua

Província do Zaire na mira dos turistas

Localizadas na comuna do Nkiende, a 62 quilómetros de Mbanza Kongo, as grutas são, a par das ruínas do Kulumbimbi e das Fontes de Água, o orgulho da localidade.

Fazem parte de uma rede de grutas e galerias, quase todas desconhecidas e ainda por explorar. É um local que não pode faltar no roteiro de quem visita Mbanza Kongo.

Serviram, no passado colonial, de refúgio para os combatentes de luta de resistência à ocupação estrangeira. Estas cavernas, a par do Rio Zaire, estiveram presentes nas votações das 7 maravilhas de Angola.

Estância turística do Tuco

Em estado de abandono e cercada por capim, a estância turística que se estende ao longo do rio Tuco, dois quilómetros a sul de Mbanza Congo, já foi, em tempos idos, a jóia turística local, movimentando, no seu auge, centenas de pessoas. O rio apresenta características ímpares, com cachoeiras, água que corre entre as rochas e o chilrear dos pássaros.

Já o município do Soyo alberga mais zonas turísticas, entre as quais a Praia das Sereias, a Praia dos Pobres, localizada numa zona nobre da cidade do Soyo, na margem esquerda do Rio Zaire; a Foz do Rio Kongo, as Quedas do Rio Mbridge, que servem para  canoagem, e os canais Pululu, no Kwanda, e do Kimbumba, situado a dois quilómetros a leste do Soyo.

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Província do Zaire na mira dos turistas
Publicidade
Publicidade