Publicidade

A avenida de Baobás: o segredo da natureza de Madagáscar

Baobá é uma árvore de culto e bem emblemática do espírito africano. A avenida de baobás, também conhecida como a “Alameda dos baobás”, é um proeminente grupo de árvores baobá alinhadas numa estrada de terra entre Morondava e Belon’i Tsiribihina, na região Menabe, na parte ocidental de Madagáscar.

A avenida de Baobás: o segredo da natureza de Madagáscar

Com uma das árvores mais antigas do mundo, a alameda dos baobás é símbolo da diversidade biológica da ilha no oceano Índico e uma metáfora da sua riqueza natural. O seu caule oco chega a medir mais de 20 metros de diâmetro e pode armazenar até 120 mil litros de água. Os baobás também são considerados por alguns biólogos as árvores mais antigas da Terra. Estima-se que elas possam atingir até dois mil anos de existência, calculando pelo seu diâmetro.

A sua paisagem impressionante atrai viajantes de todo o mundo, tornando-se um dos locais mais visitados da região. Ela tem sido o centro dos esforços de conservação local e foi-lhe concedido o status de protecção temporária, em Julho de 2007, pelo Ministério do Ambiente, Águas e Florestas – o primeiro passo para a tornar o primeiro monumento nacional de Madagáscar. Ao longo da avenida estão cerca de uma dúzia de árvores de aproximadamente 30 metros de altura, da espécie baobá, endémica de Madagáscar.

A avenida de Baobás: o segredo da natureza de Madagáscar

A razão principal para realizar uma viagem de carronha, de 700 km, durante dois dias, da capital Antananarivo até Morondava, é ver centenas de baobás bem de perto. A chamada Alameda dos Baobás é um lugar com uma das maiores aglomerações dessas árvores. A Rodovia Nacional RN 8 atravessa a multidão de Grandidieris e embora eles não tenham sido plantados por humanos, os enormes baobás parecem acompanhar a estrada de terra. 

A Alameda dos Baobás não está incluída em nenhuma área protegida, nacional ou privada. Os habitantes locais, conscientes da importância das árvores como destino turístico, organizaram-se para estabelecer um estacionamento fora da estrada e fora das lentes fotográficas, montar barraquinhas de venda de artesanato e de refrigerantes, mas tantas outras iniciativas poderiam ser realizadas.

A avenida de Baobás: o segredo da natureza de Madagáscar
A avenida de Baobás: o segredo da natureza de Madagáscar
A avenida de Baobás: o segredo da natureza de Madagáscar

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

A avenida de Baobás: o segredo da natureza de Madagáscar
Publicidade