Publicidade

Lugares: Into The OKAVANGO

Há muito tempo que a National Geographic deixou de ser apenas um canal e passou a ser um veículo de educação e conscientização sociais em todas as áreas (destacando-se a Ciência e o Meio Ambiente), através de documentários; filmes; programas e séries de extrema qualidade e pertinência.

E é nesse contexto que destacamos o filme ‘’Into the Okavango’’, sob a direcção de Neil Gelinas, que documenta a jornada do Dr. Steve Boyes (biólogo conservacionista) e da sua equipa de 27 pessoas, através dos países da bacia hidrográfica do rio Okavango (Angola, Botswana e Namíbia), numa expedição de 4 meses, na qual recolheram dados sobre milhares de espécies e de locais, na tentativa de salvar o que resta deste que é um santuário da vida selvagem e que é, literalmente, fonte de vida para todas as espécies que aí habitam, incluindo a espécie humana, pois a sua água é vital para mais de um milhão de pessoas.

Publicidade
Lugares: Into The OKAVANGO

Um dos membros da equipa do Dr. Boyes é Adjany Costa, uma bióloga marinha que nasceu e cresceu em Angola e que neste momento está a fazer o seu Doutoramento focado na conservação da biodiversidade marinha em Angola e é também directora assistente do Okavango Wilderness Project, destinado ao estudo e conservação da água e das espécies do Delta. Além disso, é a única mulher em toda a equipa, mas é corajosa e resiliente como os demais, tendo mesmo sida atacada por hipopótamos e por elefantes mais do que uma vez mas nem por isso desistiu da aventura.

Aventura é a palavra. O documentário não só nos esclarece do ponto de vista da Biologia, mas também inclui registos de todos os desafios, desilusões e perigos encontrados pela equipa ao longo da expedição e que muitas vezes dificultaram ou puseram em risco a conclusão da jornada: fogos postos; caçadores; trilhos difíceis; ataques de animais; etc.

Lugares: Into The OKAVANGO

Tudo isto dá um cunho ainda mais real e familiar ao ‘’Into the Okavango’’, dando ao espectador a sensação de estar presente no percurso, sustendo a respiração perante os momentos de tensão e ficando boquiaberto com as maravilhosas paisagens e majestosos animais. Escusado será dizer que a qualidade da imagem é ímpar!

O rio Okavango é o quarto rio mais extenso do mundo e a sua bacia vai desde o Cuito, Angola, passando pela Namíbia e termina no delta de Okavango, em Kalahari, Botswana.

É de extrema importância pois alberga a maior população restante de elefantes africanos e é também o habitat de uma vasta população de leões, chitas, centenas de espécies de pássaros e infindáveis outras espécies.

Além das que aí habitam, há também milhares de outras espécies que migram sazonalmente para o Okavango, estando também elas ameaçadas se não se preservar a área.

Lugares: Into The OKAVANGO

É dessa água que se abastecem também os povos do Okavango, divididos em cinco grupos étnicos: Hambukushu, Dceriku, Wayeyi, Bugakhwe e Anikhwe (distribuídos pelas áreas dos três países supra-mencionados).

Tudo isto actualmente encontra-se em grave risco devido à frequente e nociva actividade humana, que inclui a extracção de água e projectos para a construção de uma grande barragem hidroeléctrica, o que constitui um grande perigo para a vida animal que depende da bacia.

Mesmo que antes não tivesse essa preocupação, é garantido que depois de ver este documentário vai descobrir uma veia ecológica que não sabia que tinha. É impossível ficar indiferente perante tantas evidências da nossa infinita negligência enquanto seres humanos e cidadãos; da nossa irresponsabilidade e em muitos casos, da nossa maldade, ateada pela ganância, na maioria das vezes.

É um exame gratuito à nossa consciência e um convite à revisão dos nossos comportamentos.

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Lugares: Into The OKAVANGO
Publicidade
Publicidade
Publicidade