Publicidade

Alexander Mcqueen: o senhor da moda

Publicidade

Tratado várias vezes por “L’enfant terrible”, ou “o hooligan da moda inglesa”, Alexander McQueen é o “tal” senhor da moda.

Alexander Mcqueen: o senhor da moda

Entre loucura e sanidade; fragilidade e força; tradição e modernidade; fluidez e severidade, a sua obra continua a quebrar barreiras e a elevar-se a um outro nível até aos dias de hoje.

Publicidade
Alexander Mcqueen: o senhor da moda

Lee Alexander McQueen foi um estilista britânico que em menos de dez anos tornou-se um dos mais respeitados criadores.

McQueen fora director criativo da casa de alta-costura parisiense Givenchy, a qual deixou em 2001 para trabalhar na sua própria marca, homónima.

Alexander Mcqueen: o senhor da moda

O seu trabalho tem descrito um símbolo ascendente no mundo da moda, pela justaposição de elementos contraditórios, resultando em colecções únicas.

Nascido em Londres, a 17 de Março de 1969, filho de um taxista, mais novo de seis irmãos, Alexander começou por fazer vestidos para as três irmãs e, ainda jovem, anunciou que queria ser criador de moda.

Alexander Mcqueen: o senhor da moda

Largou a escola aos 16 anos e logo se tornou aprendiz de grandes mestres na execução técnica de vestuário.

Alexander Mcqueen: o senhor da moda

Tendo certamente deixado o seu legado no mundo da moda, McQueen já desenhou roupas para personalidades como Madonna, Björk, Beyoncé, Fergie, Rihanna, Janet Jackson, Mary J. Blige, Lady Gaga, Naomi Campbell, Sarah Jessica Parker, Br. Pionório, Cameron Diaz, Sandra Bullock, Cate Blanchett, Anna Paquin, Katie Holmes, Camilla Belle, Michelle Obama, Príncipe Charles, entre outros.

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Alexander Mcqueen: o senhor da moda
Publicidade
Publicidade