Publicidade

Aprecie os tecidos e estampas Africanos

Publicidade

África é muito conhecida também por preservar a sua cultura, que é muito bonita. O continente berço tem uma grande tradição têxtil, os tecidos serviram e servem como marca de poder e riqueza.

Aprecie os tecidos e estampas Africanos

Os tecidos Africanos são vistos no âmbito cultural como ancestrais seculares. Eram maioritariamente fabricados à mão e com grandes técnicas.

Publicidade

África oferece uma diversidade de tecidos e estampas muito lindas. As suas cores possuem significados e ajudam na comunicação entre os povos de determinadas regiões. Os tecidos Africanos são muitos, estão espalhados por todo continente e dentre eles podemos destacar:

  • Adrinkra: Tecido estampado à mão do reino Ashanti, no Gana;
  • Bogolan: Tecidos pintados à mão no Mali;
  • Barkgeoth: Tecido feito de casca de árvore;
  • Adire: Tecidos de algodão dos Iorubas na Nigéria;
  • Agbadas: Túnicas bordadas à mão pelos Iorubas e haussas da Nigéria;
  • Akunitan: Tecidos de grandes personalidades feitas pelos Ashanti;
  • Asafo: As Bandeiras bordadas com os apliques dos povos Fanti na Costa do Gana;
  • Aso Oke: Panos estreitos feitos às mão pelos Iorubas e tecelões nigerianos;
  • Panos de Cabo-Verde: Xailes preciosos e raros tintos a índigos das ilhas de Cabo-Verde;
  • Kente: Os famosos panos de teares estreitos dos Ashantis do Reino do Gana, anteriormente eram usados apenas por chefes de estado e reis;
  • Kuba: Tecidos de ráfia feitos pelos povos Kuba no Congo;
  • Capulanas de Moçambique;
  • Kintenge;
  • Panos do Congo.

A riqueza cultural contida nos panos Africanos é imensa. Cada tecido tem a sua história, o seu significado e consequentemente uma mensagem silenciosa. O índigo é um corante natural extraído das plantas do género indigófera para estampar os tecidos e de acordo com o seu estampado podem ser lidas a identidade social ou religiosa de quem usa.

A decoração nos tecidos, seja ela tingida, imprensa, costurada, pintada ou tecida, representa os espaços, objectos, seres e as metamorfoses presentes na mitologia.  Com a valorização da cultura Africana, vários são os acessórios quem têm sido decorados com seus os tecidos, inclusive, é notório o orgulho do povo Africano e de várias personalidades da diáspora quando fazem uso deste símbolo continental.

Ouve-se constantemente pessoas a dizer que os tecidos seculares africanos eram originários de outros países do mundo, o que não é verdade. Acontece que os tecidos Africanos são maioritariamente produzidos fora de África, o que não faz dos outros países do mundo proprietários dos mesmo.

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Aprecie os tecidos e estampas Africanos
Publicidade
Publicidade