Publicidade

A música, o glamour e a solidariedade marcaram o segundo dia do “Moda Solidária”

Publicidade

A música o glamour e a solidariedade marcaram o segundo dia do Moda Solidária. O evento continua e vai decorrer nos próximos dias no Xyami (dia 20) e na ilha de Luanda – The Test (dia 29).

As doações para o “Moda Solidária” continuam e as actuações da noite também marcaram o evento. Amante de música e de moda, o artista Nankova, que desfilou cantando, mostrou-se satisfeito ao participar da noite. Feliz e grato pelo convite, Nankova, em entrevista à Chocolate, partilhou os seus projectos: “É um evento [de] que gosto muito e estou feliz.”. Sobre os seus projectos, Nankova adiantou: ” Em Dezembro vou apresentar 3 colecções de roupa: Pulungunza, Tchyoeiwe, e mais uma surpresa.”

Publicidade

Foi com a música “Nosso caso lindo de amor” de Euclides da Lomba que o músico e compositor Angolano Agostino Bernardo “Txio Ayzen”, de 29 anos, abrilhantou o público com sua belíssima voz. O artista que tem trabalhado em prol da música nacional esteve contente. “Mais do que cá estar e cantar e fazer as pessoas perceber, o motivo que cá nos trouxe [foi a] solidariedade. A organização está de parabéns pelo lindo trabalho para o engrandecimento da arte de forma geral e um bem haja a todos. Vamos doar e nos doar ao próximo também.”

Os estilistas e criadores de moda Azy, Povo Real e Margarita marcaram o evento com as suas colecções maravilhosas. Ao participar do evento pela primeira vez, Azy veio directamente de Benguela para apresentar a sua mais recente colecção da marca “Az – a marca que marca”. No mercado há 12 anos, o filho de costureiro que teve sacos de pão como as primeiras peças na sua carreira, mostrou-se orgulhoso.

A amor também esteve patente na noite, pois “Oshun” é a colecção da estilista e crocheteira cubana Margarita Oliva, que brindou os olhos dos apreciadores de moda.

O modelo e fotógrafo Edueni António, que se caracteriza como sendo um homem solidário e aventureiro, está a gostar de fazer parte do evento e em tom de diversão disse: “No primeiro dia tive um frio na barriga, mas hoje estou mais à vontade (risos). Está a ser uma experiência muito boa e prometo arrasar.”

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

A música, o glamour e a solidariedade marcaram o segundo dia do “Moda Solidária”
Publicidade
Publicidade