Publicidade

Victória Garcia revela novos projectos e chama a atenção para a desvirtualização dos concursos de moda

Publicidade

A carreira de Victória Garcia vai de vento em popa. Apesar de alguns reveses, nomeadamente a Covid-19, a personalidade da moda angolana revela que “projectos novos, eu tenho”.

Victória Garcia revela novos projectos e chama a atenção para a desvirtualização dos concursos de moda

Após o sucesso da última edição do Benguela Fashion Week, a também madrinha dos eventos Huíla Fashion Week e Miss Angola Namíbia revelou que tem em agenda novos projectos.

Publicidade

“Volto a entrar em Lunda, apesar de habitualmente fazer os meus projectos noutras províncias e ter isso como prioridade, as pessoas cobram-me para voltar a faze-lo cá em Luanda, então por que não? (…) O mesmo não será um projecto qualquer, será um projecto ao meu nível, com classe, glamour, requinte, o saber fazer e perfeccionismo – e mais alguma coisa”.

A primeira editora de moda em Angola, ex-manequim e Directora da agência de modelos/manequins Victory’s Models, criticou de igual modo certos eventos de moda em Luanda que considera um insulto à sua inteligência.

“Na realidade, tenho visto cá em Luanda vários eventos de moda que são um atropelo à minha inteligência. Então, vamos mostrar como é que se fazem as coisas. Prefiro não citar quais são estes eventos, mas garantidamente costumo ir a alguns eventos que são bem medíocres.”

“Eu vou simplesmente a estes eventos primeiro para dar o benefício da dúvida – uma segunda para eu ter a certeza absoluta de quem é que nunca iria contratar para trabalhar para mim”.

Uma das pioneiras na indústria da moda em Angola desde o pós-independência, autora do primeiro concurso de beleza no país, alerta contra a desvirtualização destes tipos de concurso.

“Muitos estigmatizam os concursos de moda, associam a coisas feias. Quando damos a entender às pessoas que o concurso de beleza serve para valorizar a mulher angolana, é um acto de respeito, de responsabilidade, que a Miss tem a tarefa de ser embaixadora de Angola no mundo, representar a nossa cultura, a nossa arte e içar a nossa bandeira, além de defender causas nobres – e de repente vês casos em que Misses são coroadas no meio da rua, para mim é complicado”

A dona da icónica frase “uma moda honesta e sem preconceito” realizou um feito inédito na história da moda com o seu super-evento “Benguela Fashion Week”: foi a primeira a transmitir um evento de tamanha proporção no formato streaming nas diversas plataformas digitais. O mesmo evento teve a cobertura da Revista Chocolate.

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Victória Garcia revela novos projectos e chama a atenção para a desvirtualização dos concursos de moda
Publicidade
Publicidade

Últimas de Moda & Beleza

Publicidade