Publicidade

Turbantes Nigerianos: A Elegância do Gèlè

Os turbantes, conhecidos como “Gèlè”, não apenas adornam, mas também comunicam mensagens através da sua forma de amarrar. Antes da era da modernização, uma mulher africana que usava um turbante inclinado para a direita transmitia, especialmente aos homens ao seu redor, que era casada. Por outro lado, uma mulher que o usava inclinado para a esquerda indicava que era solteira.

Turbantes Nigerianos: A Elegância do Gèlè

Esses turbantes tornaram-se indispensáveis para as mulheres africanas, especialmente para as noivas. Existem diversos estilos de Gèlè, desde os comuns aos feitos sob medida, cada um com a sua própria beleza e elegância.

Angelina Mbala, especialista em amarrar e criar os famosos turbantes nigerianos, não só para noivas, mas também para uso quotidiano, oferece acessórios que adicionam um toque clássico e sofisticado a qualquer look.

Turbantes Nigerianos: A Elegância do Gèlè
Turbantes Nigerianos: A Elegância do Gèlè
Turbantes Nigerianos: A Elegância do Gèlè
Turbantes Nigerianos: A Elegância do Gèlè
Turbantes Nigerianos: A Elegância do Gèlè
Turbantes Nigerianos: A Elegância do Gèlè
Turbantes Nigerianos: A Elegância do Gèlè

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Turbantes Nigerianos: A Elegância do Gèlè
Publicidade

Últimas de Moda & Beleza