Publicidade

Erecção Vegana

O novo documentário da Netflix, “The Game Changers”, aborda o impacto da adopção de uma dieta vegan entre desportistas profissionais – e um médico detectou um efeito surpreendente em três atletas de futebol americano.

Um estudo inédito detectou um aumento de 500% na frequência e no tempo das erecções masculinas após os indivíduos comerem uma refeição vegan antes de irem dormir, comparativamente a se ingerissem carne, peixe ou ovos.

Publicidade
Erecção Vegana

O documentário tem como base o impacto dos diferentes tipos alimentação – vegan ou carnívora – na performance de atletas de alta competição.

Uma pesquisa comparou os efeitos de uma refeição com carne e outra vegan nas erecções durante o sono de três jogadores da NFL (National Football League), Liga Nacional de Futebol Americano.

Aaron Spitz, o médico urologista que conduziu a experiência, colocou dois anéis electrónicos capaz de medir a frequência e longevidade das erecções nos genitais dos voluntários.

A experiência durou duas noites, na primeira os atletas ingeriram tacos de carne ao jantar, incluindo porco, frango e bovino. Na segunda noite, tacos apenas com ingredientes vegetais (legumes e grão).

Erecção Vegana

O primeiro jogador registou um aumento de 9% no perímetro da erecção, enquanto a frequência e o tempo atingiram os 303%.

O segundo descobriu que ficou 8% mais erecto, enquanto que a frequência tinha atingido o valor de 500%.

E para o outro jogador, o dispositivo electrónico detectou que a erecção subiu até aos 13%, enquanto que a frequência aumentou para 312%.

Dieta vegan 1, dieta carnívora, 0!

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Erecção Vegana
Publicidade
Publicidade