Publicidade

O prazer de cozinhar com ervas aromáticas plantadas na sua casa

Cozinhar é um grande prazer para muitos dos nossos leitores, e muitos são apaixonados pelos aromas e pelas cores que se apresentam nos pratos.

Para ter a sua pequena plantação, irá precisará de algumas ferramentas, que são extremamente comuns e que qualquer pessoa pode usar com facilidade.

Publicidade
O prazer de cozinhar com ervas aromáticas plantadas na sua casa

E para poder cultivar as ervas em vasos, necessita de:

● Vasos (obviamente!) em plástico ou terracota. Terracota sem dúvida vence pela estética e é a mais ecológica das duas. Mas o plástico é mais leve, portanto ideal para soluções suspensas – prateleiras, armários – tudo depende de onde colocará os seus vasos.
● Pires, indispensável para reter o excesso de água e não molhar o chão da casa.
E agora vamos começar a compor o conteúdo do nosso vaso. Por ordem:
● Argila expandida, que tem uma função de drenagem e evita a estagnação da água, fazendo as mudas apodrecerem. Ela vem em esferas porosas de forma irregular e deve ser posicionada numa camada no fundo, assim permitirá uma liberação gradual da humidade do solo. Não é adequada para plantas que precisam de um ambiente muito seco, como cactos.
● Tipo de solo universal. Um truque? Misture com um pouco de areia para obter um efeito de drenagem ainda mais eficaz.
● Adubo, para manter o solo fértil ao longo do tempo.
● Brotos de plantas aromáticas: salsa, sálvia, alecrim, tomilho, manjericão… tudo o que quiser! Se não tem muita experiência, as mudas já germinadas são preferíveis às sementes.
● Uma colher, para transferir as plantas mais facilmente;
● Tesoura, para podar as mudas e levar o que precisa sem rasgar os caules.

(Luvas e regadores não são realmente necessários para o cultivo de ervas aromáticas em vasos mas farão com que se sinta muito profissional!)

A nossa recomendação óbvia é nunca manter as plantas na sala. O seu efeito, tão positivo no nosso organismo durante o dia, muda à noite: isso ocorre porque a fotossíntese da clorofila, na ausência de luz solar, não ocorre. E assim as plantas não produzem mais oxigênio, mas sim dióxido de carbono.

Cultivo de ervas aromáticas na cozinha

Claro que as ervas aromáticas são usadas na cozinha. Portanto, se o espaço permitir, tê-las sempre à mão pode ser muito conveniente.
Se calhar está a pensar: ‘’sim, mas a minha cozinha já está cheia de utensílios e pratos, onde é que ponho cinco ou dez vasos?’’

Não se preocupe: já pensámos nisso. É possível cultivar ervas aromáticas na cozinha e sinceramente, fica muito bonita e arranjada!

Simplesmente parafuse uma haste de cortina na parede e pendure alguns discos com o suporte apropriado. Desta forma, não só poderá cultivar as suas plantas aromáticas na cozinha, como também dará ao espaço uma aparência agradável e original. E os seus cheiros favoritos estarão sempre à mão.

O terraço pode parecer a maneira mais fácil de cultivar ervas aromáticas em vasos, mas é preciso ter cuidado porque nem todos os terraços são adequados para esse fim.

O local ideal garante às mudas cerca de seis horas de luz por dia e não é excessivamente exposto à chuva e ao vento. Em suma: para cultivar ervas aromáticas no terraço, precisará de um local protegido, mas ensolarado.

Tem uma varanda espaçosa? Então pode colocar as suas mudas diretamente no chão. Nesse caso, você pode aproveitar até vasos pesados, em terracota, cerâmica ou metal. Caso contrário, existem muitas soluções verticais: prateleiras, escadas com prateleiras – para dar asas e espaço à sua criatividade.

Se você vai cultivar plantas aromáticas no terraço, preste atenção ao manjericão. É uma espécie delicada, tipicamente mediterrânea, que sofre mais com o frio do que as outras: pode precisar de “asilo” nos meses de inverno. Não a deixe de fora no gelo!

Quando são plantadas ervas aromáticas?

Essa é uma das perguntas mais frequentes. Aqui, também a resposta depende de onde colocará as suas plantas.

Se pretende cultivar plantas aromáticas em casa, a estação não fará diferença, porque o clima de Interno é sempre bastante constante. Nesse caso, não precisará de saber quando plantar ervas – todo o momento é bom. Mesmo agora!

A situação é diferente no caso de espaços abertos. Se tem um belo terraço ou deseja começar a cultivar ervas aromáticas na varanda, o melhor momento é certamente a Primavera. Os meses de Março e Abril são perfeitos.

O alecrim é o rei indiscutível da varanda e os seus arbustos também podem tornar-se muito grandes, com galhos robustos e raízes longas. É impensável combiná-lo com outras plantas: ele precisa dos seus espaços!

Dê-lhe um vaso próprio, ele é grande! E não se esqueça de adicionar um pouco de areia ao solo. O alecrim parecer-lhe-á um pouco presunçoso, mas ele sabe o que faz: com o cuidado certo, ele manterá as folhas durante o ano todo. E isso dará aos seus assados um toque extra.

A sálvia e o tomilho são amigos da pele. Pode até alocar-lhes um único vaso: eles certamente não vão reclamar, juntos, estão ótimos! Ambos são grandes amantes do sol, do vento e da vida ao ar livre.

A hortelã é a vizinha um pouco invasiva, tende a ocupar todo o espaço disponível com as suas raízes, portanto recomendamos que reserve um vaso somente para ela. Por outro lado, dar-lhe-á um perfume maravilhoso!

O manjericão e a salsa são inconstantes e delicados; devem ser replantados todos os anos; portanto não é recomendável combiná-los com outras plantas. Se os colocar no mesmo pote, ficarão bem. Lembre-se de regá-los frequentemente, especialmente o manjericão, que precisa de muita água para viver.

Outra combinação que funciona é o orégão e a manjerona: são semi-verdes, como a sálvia e o tomilho, e visualmente também combinam muito bem.

Em suma: para cultivar ervas aromáticas em casa não precisa de muito espaço, porque muitas mudas podem ser colocadas no mesmo vaso. Agora não tem mais desculpas para não tentar!

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

O prazer de cozinhar com ervas aromáticas plantadas na sua casa
Publicidade
Publicidade