Publicidade

Sabe quais são os efeitos do álcool na sua pele? Não sabe? Então venha ler!

Publicidade

Difíceis de tirar do cardápio. Sejamos sinceros: As bebidas alcoólicas fazem parte dos momentos de descontração e lazer de muitas pessoas, mas podem provocar algumas reacções indesejadas no corpo. Seja no momento da ingestão ou mesmo nos dias seguintes, a pele sofre com os efeitos da bebida. Sabia que uma noite de bons “drinks” pode afectar a sua pele? Mas ninguém precisa de parar de beber. Saber quais são os efeitos que o álcool pode causar na sua pele e como preveni-las já é um bom começo.

Sabe quais são os efeitos do álcool na sua pele? Não sabe? Então venha ler!

A cara de ressaca

Publicidade
Sabe quais são os efeitos do álcool na sua pele? Não sabe? Então venha ler!

O álcool tem efeito inflamatório no nosso organismo. O consumo excessivo de álcool pode provocar alguns danos na pele com o passar dos anos. A maior parte das pessoas quando consome álcool não se lembra de ingerir água. Como consequência, a pessoa apresenta o olho fundo e uma pele sem vida e com bolsas, a dita ‘cara de ressaca’. Quando consumimos álcool, o nosso corpo desencadeia um processo inflamatório interno, que se reflete na pele (o inchaço).

Rosácea na pele

Sabe quais são os efeitos do álcool na sua pele? Não sabe? Então venha ler!

A rosácea é uma doença característica de peles reativas, em que toda a vascularização do rosto dilata, mais rápido quando entra em contacto com certas substâncias. Bebidas alcoólicas, comidas apimentadas ou quentes e até mesmo um banho quente podem estimular a dilatação dos vasos. Isso acontece em todas as pessoas mas é mais evidente nas que possuem rosácea, porque as bebidas fermentadas provocam maior reacção.

Para além disso, quando o consumo excessivo se estende por longos prazos, a pele fica cada vez mais prejudicada e envelhecida. Há cada vez menos hidratação, mais oxidação e a pele apresenta olheiras cada vez mais profundas. Até a resistência do sistema imunológico é afectada, o que pode levar aí desenvolvimento de dermatites e alergias.

Sabe quais são os efeitos do álcool na sua pele? Não sabe? Então venha ler!

O quadro inflamatório enfraquece as defesas da nossa pele e pode causar espinhas. Exagerar nos “drinks” com frequência é potencialmente pior, pois eles são carregados de açúcar. Não podemos esquecer que o açúcar em excesso pode sim manifestar-se na sua acne, se o uso for descontrolando.

Falando nesse açúcar dos drinks e de bebidas alcóolicas em geral, ele também desencadeia o aumento de insulina no organismo, o que pode levar, por sua vez, a desequilíbrios hormonais. E tem mais: bebidas alcóolicas podem dilatar os nossos poros, e poro dilatado é um cenário fácil para cravos e espinhas.

O excesso de álcool também pode afectar os níveis do microbioma no seu organismo. O microbioma é uma bactéria importante do seu intestino, que ajuda a regular o sistema imunológico. Falando de pele, é o sistema imunológico que ajuda a combater inflamações de pele, como o eczema.

Sabe quais são os efeitos do álcool na sua pele? Não sabe? Então venha ler!

Mas precisa de parar de beber?

Sabe quais são os efeitos do álcool na sua pele? Não sabe? Então venha ler!

Não precisa. O lado bom de saber de tudo isso é justamente para prevenir-se, e fazer com que os efeitos do álcool na pele sejam controlados e não seja em vão tudo o que conseguiu com sua dedicada rotina de skincare. Além de que vai ajudar a prevenir o envelhecimento precoce da pele também.

Por vezes beber socialmente agrava problemas na pele para quem já tem pré-disposição para tal: A ingestão em excesso do álcool causa danos não só à pele, mas também ao organismo. Um dos problemas do consumo do álcool, especialmente o vinho – altamente diurético – é a desidratação do organismo. Por isso, para aqueles que não querem largar a taça, o consumo de água juntamente com o vinho é mais do que necessário.

Para ajudar a deixar a pele saudável, mesmo com o consumo de álcool, é indispensável manter uma rotina de cuidados, que inclui limpeza, protecção, tratamento, e uma alimentação mais leve quando planea beber mais e um “sprayzinho” de água durante a fests também são seus amigos para evitar estes efeitos do álcool na pele.

Apesar do negativo, o vinho pode ser um bom aliado contra o envelhecimento precoce

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Sabe quais são os efeitos do álcool na sua pele? Não sabe? Então venha ler!
Publicidade
Publicidade