Publicidade

Sinais precoces de demência

Publicidade

Tecnicamente chamada de Alzheimer, a doença degenerativa do cérebro pode ser detectada precocemente aproximadamente aos 18 anos, dizem os estudos. Actualmente ainda é desconhecida a cura para esta doença.

Sinais precoces de demência

Quando se trata de demência, ainda é impossível dizer com exactidão quem está mais propenso a sofrer da patologia. Todavia, um estudo divulgado no jornal Times of India, que envolveu mais de duas mil pessoas, mostrou que a performance dos indivíduos em testes de memória e de raciocínio pode revelar diferenças em pessoas que irão sofrer de doença de Alzheimer até 18 anos antes do diagnóstico.

Publicidade

Existem diferentes variações associadas aos sintomas de demência. Enquanto alguns podem ser definidos sobretudo por mudanças cognitivas, outros são determinados por mudanças psicológicas.

Sintomas associados a alterações cognitivas: 

-Perda de memória

-Dificuldade em encontrar palavras ou completar uma frase

-Incapacidade de resolver problemas

-Dificuldade de coordenação

-Confusão mental

Sintomas associados a alterações psicológicas:

-Depressão

-Alterações na personalidade

-Paranóia 

-Alucinações

-Ansiedade

4 passos que o ajudarão a cuidar da sua mente 

Trabalhe a sua mente

Estudar, ler, desenvolver novas habilidades e até conviver com diferentes tipos de pessoas são actividades que estimulam os neurónios a estabelecerem mais conexões entre si. E quanto maior for essa comunicação entre as células nervosas, melhor. Desse modo, o cérebro tem mais capacidade de contornar eventuais falhas e até retardar a manifestação de demências.

Uma boa noite de sono

É fundamental para manter a cabeça em ordem. Afinal, é nesse período que gravamos tudo o que aprendemos. O ideal é um repouso sem interrupções e relaxar antes de ir para a cama. “Evite trabalhar e ficar no computador”.

Actividade física

Protege contra demências. Os mecanismos envolvidos nesse processo ainda não são totalmente conhecidos. “Sabe-se que a actividade física liberta neurotrofinas, substâncias que ajudam na memória”.

Alimentação saudável

Comer de forma equilibrada é muito importante para manter o corpo saudável da cabeça aos pés. Ter um menu saudável pode afastar males cardiovasculares e também o Alzheimer. A dieta do Mediterrâneo inclui frutas, verduras, cereais, peixes, azeite e o consumo moderado de vinho. 

Apesar do processo natural de envelhecimento aumentar significativamente a probabilidade de padecer da doença, médicos e investigadores sugerem que o risco pode ser reduzido através da prática regular de exercício físico, de uma alimentação saudável e ao manter uma atitude positiva perante a vida.

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Sinais precoces de demência
Publicidade
Publicidade