Publicidade

Uso excessivo de paracetamol constitui uma das causas de morte por Cirrose Hepática

Publicidade

A cirrose hepática é uma doença crónica que agride o fígado e provoca a substituição do tecido hepático normal por nódulos e tecido fibroso. Ela não tem cura, segundo o especialista em Medicina Interna do Hospital do Prenda Adilson Zueco.

Uso excessivo de paracetamol constitui uma das causas de morte por  Cirrose Hepática

Para além do uso excessivo e prolongado de fármacos (dentre eles o paracetamol), existem outras causas para a doença, como a insuficiência cardíaca; as hepatites B e C; bebidas alcoólicas; entre outras.

Publicidade

O médico explica também que o único tratamento efectivo da cirrose hepática é o transplante hepático, indicado apenas em casos seleccionados. Enquanto o paciente aguarda o transplante, o tratamento é feito de forma paliativa, ou seja, são controlados os sintomas e complicações.

O consumo de álcool e outros fármacos nefrotóxicos por excessos devem ser evitados.

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Uso excessivo de paracetamol constitui uma das causas de morte por Cirrose Hepática
Publicidade
Publicidade