Publicidade

Dez médicos chineses apoiam a luta contra a pandemia em Angola

Publicidade

Uma boa nova: dez médicos chineses, provenientes concretamente da cidade de Wuhan, na China, estão, desde quarta, em Luanda, para a troca de experiências e apoio à luta contra a pandemia da Covid-19 no país.

Dez médicos chineses apoiam a luta contra a pandemia em Angola

À chegada ao Aeroporto Internacional de 4 de Fevereiro, os dez médicos, que vão formar técnicos angolanos em matéria de gestão de casos de Covid-19, foram recebidos pelo secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, e pelo embaixador da China em Angola, Gong Tao.

Publicidade
Dez médicos chineses apoiam a luta contra a pandemia em Angola

Franco Mufinda informou que os médicos chineses vão trabalhar, num prazo de 15 dias, nos centros de tratamentos da Zona Económica Especial e da Barra do Kwanza, onde vão transmitir a experiência em manuseamento de casos da Covid-19.

Dez médicos chineses apoiam a luta contra a pandemia em Angola

“Numa primeira fase, vão trabalhar em Luanda, onde já foram criadas condições para a partilha de conhecimentos com as demais províncias, por vídeo-conferência”, frisou.

Neste momento Angola regista 5.725 casos, dos quais 201 óbitos, 2.598 recuperados e 2.926 activos, dos quais 16 em estado crítico e outros tantos em estado grave.

Dez médicos chineses apoiam a luta contra a pandemia em Angola

Conquanto, entre os países africanos que têm o português como língua oficial, Angola lidera em número de mortos e Moçambique em número de casos.

Angola regista 201 mortos e 5.725 casos, seguindo-se a Guiné Equatorial (83 mortos e 5.052 casos), Moçambique (67 mortos e 9.398 casos), Cabo Verde (69 mortos e 6.518 casos), Guiné-Bissau (39 mortos e 2.385 casos) e São Tomé e Príncipe (15 mortos e 914 casos).

Dez médicos chineses apoiam a luta contra a pandemia em Angola

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Dez médicos chineses apoiam a luta contra a pandemia em Angola
Publicidade
Publicidade