Publicidade

Porsche 911 estreia este ano na versão Turbo S com 650 cavalos: acelera de 0 a 100 km/h em apenas 2,7 segundos e chega aos 320 km/h

Publicidade

Mais largo, mais potente e mais dinâmico, o Turbo S é o topo da linha do 911. Descrita pela marca como ponto de equilíbrio entre usabilidade diária e desempenho, a novidade incorpora todos os avanços dos demais modelos – incluindo potência extra e aerodinâmica optimizada.

Porsche 911 estreia este ano na versão Turbo S com 650 cavalos: acelera de 0 a 100 km/h em apenas 2,7 segundos e chega aos 320 km/h

A geração 992 do Porsche 911 começa a receber mais versões. Desta vez o foco é o novo Porsche 911 Turbo S, disponível tanto na carroceria coupé quanto na conversível, com números impressionantes de potência, torque e aceleração. Mantendo sempre a arquitectura do motor traseiro, o 911 Turbo S adopta um novo 3.8 boxer, com 6 cilindros e dois turbos.

Publicidade
Porsche 911 estreia este ano na versão Turbo S com 650 cavalos: acelera de 0 a 100 km/h em apenas 2,7 segundos e chega aos 320 km/h

Para acompanhar a potência extra, o modelo foi ajustado para oferecer um nível superior de desempenho. Neste sentido, o novo modelo do Porsche aproveita diversas mudanças implementadas no Turbo S. Entre as principais, o destaque vai para o sistema de tracção integral activa Porsche Traction Management (PTM), que agora está mais eficiente e dinâmico.

Porsche 911 estreia este ano na versão Turbo S com 650 cavalos: acelera de 0 a 100 km/h em apenas 2,7 segundos e chega aos 320 km/h

Por dentro, os elementos básicos correspondem aos do 911 Carrera. A tela central do sistema Porsche Communication Management (PCM) possui 10,9 polegadas e promete respostas rápidas e intuitivas. São de série, itens como bancos desportivos com ajustes eléctricos e 14 posições diferentes, além do pacote Sport Chrono, volante GT Sport com borboletas e sistema de som da Bose.

Tudo no novo 911 Turbo passa pelo motor seis cilindros boxer 3.8 litros com dois turbocompressores maiores, simétricos e de geometria variável. Além dos 650 cv (70 cv a mais que o antecessor), o modelo ainda produz nada menos que 81,5 kgfm de torque (5,1 kgfm extra). O zero a 100 km/h melhorou 0,2 s em relação à geração passada (991) e é 0,1 s mais rápido do que o actual GT2 RS, uma das versões mais hardcore do 911.

Porsche 911 estreia este ano na versão Turbo S com 650 cavalos: acelera de 0 a 100 km/h em apenas 2,7 segundos e chega aos 320 km/h

Toda essa força é lançada para as rodas traseiras de 21 polegadas (com largos pneus 315/30) através da transmissão automática PDK, de duas embreagens e oito marchas. O desportivo ainda é capaz de ir de zero a 200 km/h em 8,9 segundos. A Porsche precisou de mexer no sistema de admissão de ar do 911 Turbo S para melhorar o arrefecimento e também a eficiência do motor. Além das duas largas entradas situadas nos bojudos pára-lamas, há mais dois pontos de captação na parte traseira ― totalizando quatro.

Porsche 911 estreia este ano na versão Turbo S com 650 cavalos: acelera de 0 a 100 km/h em apenas 2,7 segundos e chega aos 320 km/h

O interior esbanja elegância e traz tela multimídia de 8,9 polegadas.

A base do novo 911 já é primorosa, mas a do 911 Turbo S fica ainda melhor. A carroceria é 45 mm mais larga na dianteira e 20 mm na traseira, vestindo pneus 255/35 20″ à frente e 315/30 R21 atrás. Com isso, o controlo da carroceria já é superior, mas o sistema de suspensão adaptativo da Porsche (PASM) é de uma nova geração, ainda mais afinada e com altura de rodagem 10 mm mais baixa.

Porsche 911 estreia este ano na versão Turbo S com 650 cavalos: acelera de 0 a 100 km/h em apenas 2,7 segundos e chega aos 320 km/h

Importante para o 911 Turbo S, a aerodinâmica foi revista com tomadas de ar dianteiras maiores, ― acompanhadas do filete de LED ― um splitter dianteiro activo pneumaticamente e, claro, uma nova asa traseira. Essas alterações garantem 15% a mais de dowforce, segundo a Porsche. Há também aletas activas na dianteira que se abrem automaticamente para melhorar o fluxo de refrigeração. Enquanto no cupê as duas saídas de escapamento são ovaladas, no conversível elas são quatro e têm formato retangular com acabamento em preto brilhante. O que diferencia cada vez mais as configurações.

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Porsche 911 estreia este ano na versão Turbo S com 650 cavalos: acelera de 0 a 100 km/h em apenas 2,7 segundos e chega aos 320 km/h
Publicidade
Publicidade