Publicidade

China proíbe músicos de fazer Playback

Publicidade

O governo Chinês decidiu proibir os actores e cantores de fazer playback em shows ou apresentações comerciais com fins lucrativos.

China proíbe músicos de fazer Playback

De acordo com o Lip Sync Prohibition Act, anunciado pelo Ministério da Cultura e Turismo da China, a decisão tem o objectivo de criar um desenvolvimento saudável e ordenado no mundo das apresentações musicais. Quem for encontrado a fazer playback sofrerá sanções severas, bem como os agentes e produtoras responsáveis pelos artistas, que podem até mesmo ser proibidos de participar do mercado fonográfico chinês.

Publicidade

O governo da China apela ao apoio da sociedade Chinesa para denunciar quando as performances não forem cantadas ao vivo, e só será permitido fazer playback caso o artista, ao cantar ao vivo, possa causar danos à saúde e requer um aviso prévio ao público.

Sobre a lei, o Ministério da Cultura e Turismo afirmou que é “uma política para fiscalizar actos que violem os valores fundamentais do socialismo e que rejeita actos que prejudiquem a excelente tradição cultural da nação Chinesa”. “Teremos de praticar o nosso próprio código de conduta”, afirmou a pasta em nota.

Vale recordar que a China é conhecida por ser um país com rigorosas regras de convivência. Foi no mês passado que o país anunciou a proibição de músicas consideradas violentas nos karaokes do país, que entraram em vigor no dia 01 deste mês.

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

China proíbe músicos de fazer Playback
Publicidade
Publicidade