Publicidade

Adicionar sal de mesa aos alimentos pode levar a uma expectativa de vida mais curta, diz estudo

Publicidade

Da próxima vez que encontrar este condimento na mesa, pense duas vezes antes de pegar nele. Um novo estudo descobriu que adicionar sal aos alimentos preparados pode levar à morte prematura.

Adicionar sal de mesa aos alimentos pode levar a uma expectativa de vida mais curta, diz estudo

Um novo estudo descobriu que adicionar sal a uma refeição depois de já preparada diminui a expectativa de vida das mulheres em 1,5 anos e em 2,28 anos nos homens. O estudo, publicado no European Heart Journal, analisou dados de 501.379 participantes que preencheram um questionário sobre a frequência média de adição de sal aos alimentos. Os pesquisadores também recolheram amostras de urina para examinar melhor os efeitos do sódio no corpo.

Publicidade

Em última análise, os resultados sugerem que a adição de sal com frequência aos alimentos preparados está associada à morte precoce (maior risco de mortalidade prematura por todas as causas e menor expectativa de vida).

“O que este estudo fez de interessante foi que eles analisaram a adição de sal em conjunto com sal preexistente, que já vem nos alimentos que as pessoas costumam comer”, disse o Dr. Tadwalkar.

Como o estudo analisou a adição de sal às refeições e não o sal que já está em alimentos preparados, ele mostra uma imagem mais clara ao mostrar que um aumento de sal, além do que já está nos nossos alimentos, é prejudicial à nossa saúde. Mas, antes que descarte o sal de mesa para sempre, os pesquisadores descobriram também que a alta ingestão de alimentos ricos em potássio, como vegetais e frutas, pode reduzir os efeitos da adição de sal aos alimentos e as consequências que isto pode ter na mortalidade.

“De muitas maneiras, o potássio dietético neutraliza os efeitos do sódio”, diz o Dr. Tadwalkar. Existem muitos alimentos ricos em potássio que podem reduzir os riscos de doença ou mortalidade associados ao sódio. 

Frutas e vegetais compõem a maioria deles, mas especificamente bananas, batatas, abobrinhas, abóboras, folhas verdes, brócolos, lentilhas, feijões e peixes são óptimas fontes de potássio que podem impedir os efeitos do sódio na saúde do coração.

Por outro lado, pão, pizza, aves, molho de salada e refeições enlatadas e congeladas são apenas alguns exemplos comuns de alimentos ricos em sódio, que pode não perceber. De acordo com o Dr. Tadwalkar, “Acontece que muitos alimentos saudáveis ​​acabam por possuir muito sódio de igual modo, na tentativa de torná-los mais saborosos”.

Concluindo, da próxima vez que for ao supermercado, verifique o teor de sódio antes de comprar os alimentos. E tente moderar o sal quando chegar a hora de temperar a sua refeição.

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Adicionar sal de mesa aos alimentos pode levar a uma expectativa de vida mais curta, diz estudo
Publicidade
Publicidade