Publicidade

Titica mostra que tem kuduro no coração e samba no pé

Foi com muita alegria e entusiasmo na voz que Titica nos falou da sua experiência no Brasil e principalmente deste que será um desafio grande, mas a concretização de um sonho: fazer parte do desfile de uma Escola de Samba! ‘’Via as musas de Angola e ficava maluca com as fantasias e coreografias, sempre me revi no desfiles, sempre sonhei assistir. Também sonhei fazer parte, só não sabia como, mas quem sonha sempre alcança e estou a realizar esse sonho de passar na Avenida!’’

A cantora fará parte do enredo da Escola de Porto da Pedra e desfilará ao lado da musa e rainha Kamila Reis e promete ‘’levar alegria, dança, a minha ginga angolana misturada com samba e dar uns toques de kuduro vamos ver se vai dar bonito, vou dar o meu melhor para agradar ao público brasileiro’’.

Publicidade
Titica mostra que tem kuduro no coração e samba no pé

Os saltos vertiginosos não serão nem problema nem novidade para Titica, que com toda a confiança e segurança relembra que ‘’além de dançar e cantar, faço exercício físico e o salto… domino muito bem (!!!) porque o kuduro é uma dança muito rápida e difícil e consigo cantar e dançar de saltos. Além disso vai ser um desafio e eu gosto de agarrar oportunidades, tenho fé que vou sambar na ponta do pé!’’, diz em tom jocoso.

‘’Respiramos como qualquer um’’

Mais do que diversão, Titica também quer usar esta oportunidade para dar o seu contributo na luta contra a discriminação, tanto racial quanto contra a comunidade LGBTTT. ‘’Estou feliz por participar numa Escola cujo tema é a História negra (…) não existe cor, existe ser Humano’’ e quer também ‘’mostrar que a nossa orientação não tem nada a ver como a nossa arte, porque além de termos a nossa orientação, conseguimos alegrar as pessoas, fazê-las dançar. Somos pessoas, respiramos como qualquer um, então nada nos impede de mostramos a nossa arte, é uma boa forma de nos afirmarmos como gente, trazendo diversidade ao carnaval cada um dá o seu melhor, o importante é o amor e o respeito acima de tudo’’

Nova casa?

A artista não esconde o quão bem se sente no Brasil, tendo já feito inúmeras amizades e sendo imensamente acarinhada pelo público, que pede ‘’para tirar foto comigo, perguntam como é angola, fico muito muito feliz’’. Além disso, é um público que, à diferença do angolano, ‘’vibra da primeira à última música (…) eles exprimem o que sentem’’.

Titica mostra que tem kuduro no coração e samba no pé

Desta feita, é fácil de perceber o porquê de Titica pretender prolongar a sua estadia por terras de Vera Cruz, onde se sente ‘’filha de casa, acolhida, então quero estar mais perto deles, mostrar a minha música, dar o meu carinho e contar a minha história porque tenho muita gente que se espelha em mim’’.

Além disso, a cantora, que é fã de inúmeros artistas brasileiros, sonha um dia conseguir cantar ao lado de alguns, tais como ‘’Alcione, Belo, Ludmilla, Anitta’’, porque ‘’nada melhor do que esse intercâmbio, falamos a mesma língua (…) tenho o sonho de deixar o meu nome no Brasil e no mundo, mostrar a minha arte e mostrar que existe uma Titica’’.

Despede-se com votos que ‘’gostem, tenho muitos trabalhos, vou dar o meu primeiro baile cá no Rio de Janeiro, espero que possam ir lá ver e conhecer a Titica de perto’’

Nós por cá, acompanharemos de longe, mas sempre de olhos postos no seu sucesso e com muito orgulho por ter alguém que represente tão bem o melhor de Angola: alegria, calor e talento!

Gostarias de escrever para a Chocolate? Aceitamos sempre colaborações com convidados da nossa comunidade e estamos sempre à procura de novos colaboradores. Entra em contacto connosco e vamos discutir as tuas ideias.

Titica mostra que tem kuduro no coração e samba no pé
Publicidade
Publicidade
Publicidade